RAINHA BRANCA DE NEVE



"Hoje é dia de fazer aquilo que não fazia há muito tempo: Levantar de madrugada, tirar a poeira dos velhos CDs, incomodar os vizinhos com o som alto, sentar para escrever e não falar de dor, amor ou afins.
O som ligado, volume alto o bastante pra calar meus pensamentos. Aquela mesma voz doce e imponente diz as palavras que acalmam meu coração a quase oito anos.
Costumam dizer que isso é fanatismo, mas sei que graças a essa voz minha vida se manteve até hoje. Nos momentos tristes eu chorei até dormir a ouvindo cantar as minhas dores, nos momentos de revolta eu a ouvi me mostrando um caminho, nos momentos felizes ela celebrou comigo.
Meus maiores amores, minhas maiores amizades e até mesmo minhas maiores decepção aconteceram graças a ela.
Amizades próximas ou virtuais, colegas ou amigos pra vida inteira, posso dizer que foi ela quem me apresentou.
Se abri meu coração pra poesia e me desvencilhei das coisas fúteis e sem importância alguma que o mundo nos oferece, foi porque ela me mostrou um caminho diferente do que a maioria insiste em seguir.
Hoje graças a ela eu existo, porque antes eu só vagava...
Obrigada por me trazer pra vida, minha rainha branca de neve."

Feito Por:  Aline Alves  

Tirado do Blog: Meu Eu Inconstante



0 comentários:

Postar um comentário